PRESENÇA


12ª Feria de Sevilla




Revisitar uma das maiores tradições espanholas. Esse é o principal objetivo da Feria de Sevilla, uma homenagem à tradicional Feria de Abril, que acontece anualmente desde 1846, na cidade espanhola de Sevilla, na Andalucía. Todos os anos, a Sala Tablado Flamenco traz para Sorocaba um pouco das cores, música, gastronomia e espírito espanhol na mesma época do ano.

O evento ocorre em duas etapas: pela manhã, com um desfile das bailaoras (bailarinas de flamenco) em um trecho da avenida Nogueira Padilha, na Vila Hortência, que é o maior reduto dos imigrantes vindos da Espanha na cidade. À noite, a festa, que aconteceu no último sábado, dia 5, acrescentou mais outro ingrediente: a solidariedade. O evento teve a renda revertida em prol da Equipe do Bem, Ordem Franciscana Secular, Associação de Ajuda às Vítimas de Queimaduras (Aviq) e Casa Nossa Senhora das Graças.

E, além de toda animação, apresentação de dança flamenca e comida típica, esse ano, a noite contou com apresentação da bailarina de danças árabes Telma Rocha e a participação especial do tenor Cleber Volpato.


Programe-se




Chá Beneficente - A Fraternidade Feminina Acácia Sorocabana realiza, na próxima quinta-feira, dia 10, o Chá Beneficente, às 19h30, no Ipanema Clube. O evento será em prol do Doce Lar do Menor Irmã Rosália e outras entidades assistenciais. Os convites custam R$ 50. Informações pelo telefone (15) 3221-9903.

Baile das Mães - O Clube Estrada realiza nesta sexta-feira, dia 11, o Baile das Mães. O evento ocorre das 22h às 2h. Quem anima a festa é a banda Os Homens de Preto. O traje sugerido é preto e branco, mas não é obrigatório. Os convites custam R$ 15 e as mesas também saem a R$ 15. O clube fica na rua Álvaro Soares, 208, Centro. Informações pelos telefones (15) 3231-1152 ou 99744-2811.

9ª Feijuka - O Rotary Club de Sorocaba -- Manchester, em parceria com o Tauste Ação Social, realiza, no dia 10 de junho (domingo), a 9ª Feijuka, que acontece no salão do Lar São Vicente de Paulo de Sorocaba, a partir das 12h30. Toda renda será revertida ao Lar São Vicente. A animação fica por conta do grupo Pala Samba. Os convites custam R$ 50. Informações pelo telefone (15) 3388-6448.


Destaque internacional na dança




A arte da dança sorocabana foi reconhecida internacionalmente pela segunda vez consecutiva em Nova York. O espetáculo "Nos falta...", do grupo sorocabano Avant-Scène Cia. de Dança, conquistou a medalha de ouro na 8ª edição do International Ballet Competition Valentina Koslova. No ano passado, o mesmo grupo foi vencedor com o espetáculo "Dedicatória de um retrato". Além de grupos brasileiros e norte-americanos, a competição teve companhias de outras partes do mundo aprovadas em seletivas prévias.

A companhia Avant-Scène foi fundada no final de 2016 por Mônica Minelli e a bailarina, professora e coreógrafa Laura Moeckel. A proposta do grupo, composto por alunos do Balleteatro Mônica Minelli, é desenvolver coreografias a partir da pesquisa de técnicas e dramaturgias da dança contemporânea. "A característica mais importante dessa jovem companhia é que ela já nasceu com identidade própria e muita personalidade, pela versatilidade de seus bailarinos e pela assinatura de sua coreógrafa", acrescentou Mônica Minelli.

Laura Moeckel e as bailarinas Amanda Estevam, Andreza Rimes, Elisa Carrillo, Evelin Delgado, Isadora Stramandinolli, Naihma Fontana, Rafaela Cajado, Shirlei Leitão, Stella Carvalho e o bailarino Vitor Gil, foram avaliados por uma banca de 15 jurados de diversos países, como Bélgica, França, Geórgia, Alemana, Itália, Panamá, México, Rússia, Coréia do Sul e Estados Unidos.


"Vibrações", por Silvana Sarti




Inspirada principalmente nos elementos da natureza, Silvana Sarti apresentou sua mostra "Vibrações" na inauguração do espaço Casa Shakti, no Jardim dos Estados. Com referências das culturas africanas, indígenas e europeias, a série traz 16 aquarelas e 3 acrílicas sobre tela.

Artista visual e performer, Silvana Sarti é formada em desenho pela Faculdade Santa Marcelina e restauro pelo Centro Europeo per i Mestieri del Patrimonio, Thiene, Itália. Vencedora do prêmio Flávio Gagliardi de Artes Visuais em 2016, ela atua no grupo Tutu Marambá Artes do Corpo e coordenou o projeto "Olhar sensível", que está em exposição no Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (Macs) até o dia 12 de maio.

A exposição "Vibrações", segundo ela, veio de um processo de experimentações. "Muitos trabalhos estavam em cadernos ou engavetados", contou. As boas vibrações que desenhos transparecem foram retratadas de forma bastante natural. "Tanto que, alguns deles, fiz questão de não dar acabamento às folhas das aquarelas. Gosto de mostrar a textura do papel", destacou. A exposição fica em cartaz no espaço até o dia 31 de maio.

Além da exposição, a inauguração do espaço contou ainda com uma série de atividades gratuitas como danças circulares, meditação, contação de histórias e música ao vivo. A Casa Shakti é dirigida por Diana Oliveira, massoterapeuta e instrutora de yoga. Há 20 anos está envolvida no meio artístico da cidade, tendo atuado em diversas peças de teatro. O espaço fica na rua Brigadeiro Faria Lima, 70 -- Jd. Dos Estados.


Rock in Concert




Um espetáculo de música sinfônica na linguagem popular, que reuniu a tradição da orquestra com as inovações do rock contemporâneo. Com um repertório que conta a história do rock and roll, a apresentação "Rock in Concert", da Orquestra Filarmônica Jovem de Sorocaba (Fila), aconteceu no último final de semana, na Sala Fundec.

Sob regência de Denis Vieira, o concerto trouxe ao palco a orquestra completa, formada por 50 integrantes, com uma banda de rock e contou ainda com participação de um coral infantil com 25 vozes, que foi formado especialmente para o evento.

No repertório, a história do rock de 1950 até os dias atuais, desde Bill Halley and His Comets a Aerosmith, passando por clássicos de bandas como The Beatles, Queen e Led Zeppelin. Esta é a terceira vez que a Filarmônica Jovem faz concerto de rock sinfônico. A estreia ocorreu em 2011, com repertório inteiramente dedicado à obra dos Beatles. Já em 2013, o concerto mesclou clássicos da década de 1970.

O concerto inaugurou a temporada artística de 2018 da Orquestra Filarmônica Jovem de Sorocaba, mantida pela Associação de Eventos Culturais (Assec). Segundo o regente, a temporada terá uma programação intensa até o final do ano que, além de repertório variado, contará com outros concertos temáticos como o "Clássicos do cinema", o "Samba de concerto" e "Concerto de Natal".